OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Virgindade





"É um fator mais psicológico e social do que físico, a virgindade caracteriza a pureza da mulher, essa idéia vem desde épocas mais antigas, indica que a mulher ainda não se entregou a ninguém fisicamente e que seu hímen está intacto.
Quando se fala em virgindade a referência é sempre a mulher, pois o homem já é instruído desde criança de que não pode ser virgem, homem que é homem transa assim que atinge a puberdade.
Na maioria das mulheres a virgindade é caracterizada pelo hímen (uma pequena dobra mucosa que fecha a entrada da vagina), quando ele é rompido a moça deixa de ser garota e se transforma em mulher, visto que em alguns casos pode ocorrer a penetração sem o rompimento do hímen. Como é uma idéia antiga, há uma série de conceitos ligados à virgindade da mulher.
A mulher antigamente deveria se manter pura até o casamento, pois era sinal de que daria filhos legítimos ao seu marido, atualmente já não é bem assim, as mulheres deixaram certos conceitos de lado e passaram a manter relações sexuais sem se casar.
Mas não são todas, ainda existem aquelas que se mantém virgem, esperando o homem certo e outras esperando o casamento. Este tema gera polêmica, pois há divergência de opinião.
Obs.: O artigo retrata a parte fisiológica da mulher e não o aspecto psicológico.

Nenhum comentário: