OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




terça-feira, 30 de agosto de 2011

CARTA DE JESUS A VOCÊ

Ah, como eu te amo!
Dei minha vida por você.
Em nome desse amor, fui
humilhado, espancado e
crucificado.
Nas horas de alegria, ao teu
lado tenho caminhado, e contigo
regozijado.
E nas horas de sofrimento e dor;
É no colo, que o tenho carregado.
Mesmo assim, sei que dúvidas
de mim.
Não te faço cobranças, nem te peço
grandes sacrifícios.
Peço apenas que me ame; E que as
vezes se lembre de mim.
Mas vejo que neste mundo atribulado,
andas muito ocupado, sem tempo para
pensar, em quem viveu e morreu por ti amar.
Saibas que não me zango contigo.
E tuas faltas eu perdôo.
Porque é meu filho amado, meu filho querido!
E se pra te salvar...
Eu necessitasse ser novamente crucificado,
Eu me entregaria sem pensar.
E não exitaria em padecer, ser coroado de
espinhos, e na cruz, novamente morrer.
Tudo isto meu filho...
Porque te amo demais

Boa noite !!!
Fiquem com DEUS , amanhã eu voltarei


*************marimaura***********

Quero um Amor...


♥♥ "Quero um amor
que seja mais que uma promessa,
seja mais que um momento.
Quero um amor
que seja mais do que sexo,
seja mais que um beijo.
Quero um amor
Que seja mais que um olhar,
mas que uma poesia com rimas.
Quero um amor
que não me pergunte aonde vou,
mas que me pergunte se vou voltar.
Quero um amor
que me faça dormir
sentindo saudades.
Quero um amor
que me faça mais sorrir do que chorar
Um amor que me traga companhia,
traga-me conforto.
Quero um amor
que sempre sonhei.
Se ele existe ou não,
não deixarei de dizer:
Quero um amor..." ♥♥

BEIJOS

***************marimaura**************

Produção de texto





PRÁTICA DE PRODUÇÃO DE TEXTO

SUGESTÕES DE ATIVIDADES

A prática de produção de texto pode se basear em diversos procedimentos e técnicas. O mais importante é que o professor tenha bem certo em sua mente o rumo que deseja seguir. Pois nada adianta produzir textos sem objetivos concretos e reais.
Segue abaixo uma série de sugestões que poderão nortear sua prática:






PRODUÇÃO DE TEXTO À PARTIR DE DESENHO
Com a exposição em sala de aula de qualquer figura (desde uma foto de uma pessoa ou uma paisagem) pode se produzir um texto, porém é importante lembrar que desta forma, para que o aluno produza um bom texto o professor deve primeiramente explorar a figura oralmente com perguntas que estimulem o aluno a pensar em uma situação para o desenho ou que o leve a perceber particularidades e consiga à partir das perguntas formular um texto. Neste momento de exploração oral o professor deve estar atento a separação das idéias em parágrafos e conversando com os alunos sobre a questão.
Por exemplo, ao mostrar uma paisagem com algumas pessoas, pode se formular perguntas como:
.o que você pode ver no desenho?
.há pessoas na cena?
Quantas? Quem são elas?
Você as conhece?
O que elas estão fazendo?
Como está o dia ou a noite no desenho?
As pessoas estão felizes?
Organizando as respostas, o professor juntamente com seus alunos poderá produzir um texto sobre um passeio de uma família pelo lugar da cena do desenho e conseguir explorando a criatividade do aluno, uma excelente produção.
Uma paisagem sem pessoas, pode servir de inspiração para que o aluno imagine como seria morar naquele lugar, (uma montanha, uma floresta por exemplo, etc ou uma aventura realizada naquela cena).



PRODUÇÃO DE TEXTO PARA FIXAR CONTEÚDOS

Válida em todas as áreas do conhecimento como para mostrar o que aluno aprendeu sobre um texto de Ciências sobre o Universo, este tipo de produção de texto mostra o que o aluno fixou do conteúdo à ele exposto, contando ou explicando com suas palavras.



PRODUÇÃO DIRIGIDA DE TEXTO

Antes de cobrar que o aluno separe seus textos perfeitamente em parágrafos e utilize de outras regras da Língua Portuguesa, a produção dirigida de texto é uma forma de o aluno perceber a separação de idéias. Neste caso específico o professor vai dirigindo o texto de cada aluno oralmente com perguntas. Pede à todos que iniciem um parágrafo e faz alguma pergunta que deve ser respondida pelo aluno à medida que escreve um parágrafo.
Exemplo de questões :
1º parágrafo: quando se passou a história?
Espera-se que o aluno conte o tempo que a história passou, não respondendo à pergunta: “a história se passou “ mas contando com suas palavras : Há muito tempo atrás...
Onde se passou a história? E o aluno continua:...numa floresta bem longe de qualquer lugar que existia pessoas...
Quem estava na história? ...Joãozinho, Maria e Roberto...
Fizeram o quê?... foram passar o dia perto da cachoeira.
Neste tipo de produção, o professor vai estimulando a criatividade do aluno, hora dando um local para se passar a história, hora dando as personagens e contando o perfil de cada uma para que o aluno acrescente conteúdos mas não tenha que partir do zero para produzir.
Desta forma também o aluno vai percebendo porque precisa mudar de parágrafo, uma vez que a professora está dizendo que agora, será iniciado um novo parágrafo e o que vai ser escrito ou contado neste parágrafo.





PRODUÇÃO DE TEXTO COM SEQÜÊNCIA LÓGICA

Existem cenas com três ou quatro figuras que dão origem à textos com seqüência lógica. Dependendo da quantidade de figuras delimita-se a quantidade de parágrafos( três cenas, três parágrafos, etc). este tipo de produção de texto deve ser usada pelo professor para estimular a paragrafação pois normalmente numa seqüência com três desenhos o primeiro desenho mostra os personagens e o local onde a história se passa, o segundo desenho mostra a continuação da história ou o que foi que aconteceu e o terceiro desenho mostra como a história terminou, mostrando assim que a história tem início, meio e fim. Pode-se dependendo do objetivo do professor explorar os desenhos oralmente com a sala toda e depois pedir para que cada um escreva a sua história.



PRODUÇÃO IMAGINADA DE TEXTO

nesta modalidade de trabalho, o professor inicialmente contará com a imaginação do aluno, pedindo para que eles fechem os olhos e imaginem as cenas que o professor dizer. Neste caso, o professor vai estimulando a criatividade do aluno com perguntas subjetivas e vagas, dando-lhes um referencial como o lugar e quem são os personagens e o que vai se passar, porém, o aluno entra com sua imaginação onde as perguntas ficam vagas, por exemplo. O professor pede para que o aluno feche os alhos e imagine que a sua turma vai realizar um passeio, que todos se reuniram na escola, comeram um lanche bem gostoso( os alunos imaginam qual era esse lanche ) e saíram de ônibus para passear. No caminho, o trânsito estava parado porque tinha acontecido um acidente na estrada(o aluno imagina o que era esse acidente e a gravidade, se haviam mortos ou somente feridos, ou ninguém havia se machucado apenas os carros haviam se estragado etc.) Imaginam também quanto tempo eles ficaram parados, se eles fizeram alguma coisa enquanto esperavam que a estrada fosse liberada, etc. e assim vai se continuando a história, fazendo com que eles coloquem suas impressões pessoais em cada cena. Quando eles terminarem de imaginar a história o professor separa no quadro o que é para ser contado em cada parágrafo. Ex.: 1º parágrafo, que horas todos chegaram na escola, o que comeram. 2º parágrafo o início do passeio entrando no ônibus escolhendo o lugar. 3º parágrafo: o acidente. 4º parágrafo, o local que eles foram visitar. 5º parágrafo, a volta e o fim do passeio. Normalmente usando essa técnica a criatividade dos textos é excelente.
Bom trabalho!!!


******************marimaura****************


sexta-feira, 26 de agosto de 2011

O único tempo que existe é o presente


O único tempo que existe é o presente,
Porque o passado já passou
E o futuro ainda nem chegou
A verdade é que nem
sabemos se irá chegar...
Então viva a vida
O seu presente
Como nunca vivera até hoje
Se divirta, seja feliz,
pule, grite, agite.
Faça o que mais quiser
Porque essa vida é única
E as grandes oportunidades
de ser feliz também
Não disperdice a vida,
VIVA!




***************mariamaura**************

Despedida do Trema


Simplesmente fantástico! Não sei quem escreveu, mas quem assina é o TREMA ...
É uma tremenda aula de criatividade e bom humor, por sinal, com acentuada inteligência. A consequência não poderia ser outra: uma agradável leitura...

Despedida do TREMA

Estou indo embora. Não há mais lugar para mim. Eu sou o trema. Você pode nunca ter reparado em mim, mas eu estava sempre ali, na Anhangüera, nos aqüíferos, nas lingüiças e seus trocadilhos por mais de quatrocentos e cinqüentas anos.
Mas os tempos mudaram. Inventaram uma tal de reforma ortográfica e eu simplesmente tô fora. Fui expulso para sempre do dicionário. Seus ingratos! Isso é uma delinqüência de lingüistas grandiloqüentes!...
O resto dos pontos e o alfabeto não me deram o menor apoio... A letra U se disse aliviada porque vou finalmente sair de cima dela. Os dois pontos disse que eu sou um preguiçoso que trabalha deitado enquanto ele fica em pé.
Até o cedilha foi a favor da minha expulsão, aquele C cagão que fica se passando por S e nunca tem coragem de iniciar uma palavra. E também tem aquele obeso do O e o anoréxico do I. Desesperado, tentei chamar o ponto final pra trabalharmos juntos, fazendo um bico de reticências, mas ele negou, sempre encerrando logo todas as discussões. Será que se deixar um topete moicano posso me passar por aspas?... A verdade é que estou fora de moda. Quem está na moda são os estrangeiros, é o K e o W, "Kkk" pra cá, "www" pra lá.
Até o jogo da velha, que ninguém nunca ligou, virou celebridade nesse tal de Twitter, que, aliás, deveria se chamar TÜITER. Chega de argüição, mas estejam certos, seus moderninhos: haverá conseqüências! Chega de piadinhas dizendo que estou "tremendo" de medo. Tudo bem, vou-me embora da língua portuguesa. Foi bom enquanto durou. Vou para o alemão, lá eles adoram os tremas. E um dia vocês sentirão saudades. E não vão agüentar!...
Nós nos veremos nos livros antigos. Saio da língua para entrar na história.

Adeus,
Trema.
Por Mariamaura

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Arte em folhas de cheque

































Recebi por e mail


******************marimaura****************


Paciência


REFLEXÃO

Ah! Se vendessem paciência nas farmácias e supermercados muita gente iria
gastar boa parte do salário nessa mercadoria tão rara hoje em dia.
Por muito pouco a madame que parece uma "lady" solta palavrões e berros que
lembram as antigas "trabalhadoras do cais"...
E o bem comportado executivo? O "cavalheiro" se transforma numa "besta
selvagem" no trânsito que ele mesmo ajuda a tumultuar...
Os filhos atrapalham, os idosos incomodam, a voz da vizinha é um tormento, o
jeito do chefe é demais para sua cabeça, a esposa virou uma chata, o marido
uma "mala sem alça". Aquela velha amiga uma "alça sem mala", o emprego uma
tortura, a escola uma chatice.
O cinema se arrasta, o teatro nem pensar, até o passeio virou novela.
Outro dia, vi um jovem reclamando que o banco dele pela internet estava
demorando a dar o saldo, eu me lembrei da fila dos bancos e balancei a
cabeça, inconformado.
vi uma moça abrindo um e-mail com um texto maravilhoso e ela deletou sem
sequer ler o título, dizendo que era longo demais.
Pobres de nós, meninos e meninas sem paciência, sem tempo para a vida, sem
tempo para Deus.
A paciência está em falta no mercado, e pelo jeito, a paciência sintética
dos calmantes está cada vez mais em alta.
Pergunte para alguém, que você saiba que é "ansioso demais" onde ele quer
chegar? Qual é a finalidade de sua vida?
Surpreenda- se com a falta de metas, com o vago de sua resposta.
E você? Onde você quer chegar? Está correndo tanto para quê? Por quem? Seu
coração vai agüentar?
Se você morrer hoje de infarto agudo do miocárdio o mundo vai parar?
A empresa que você trabalha vai acabar? As pessoas que você ama vão parar?
Será que você conseguiu ler até aqui?
Respire... Acalme-se...
O mundo está apenas na sua primeira volta e, com certeza, no final do dia
vai completar o seu giro ao redor do sol, com ou sem a sua paciência...

(Arnaldo Jabor)

NÃO SOMOS SERES HUMANOS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA ESPIRITUAL...
SOMOS SERES ESPIRITUAIS PASSANDO POR UMA EXPERIÊNCIA HUMANA...


O Destino decide quem Você encontra na vida... Suas atitudes decidem quem
fica.

Por Mariamaura

Ilusionismo

Exercite sua mente



Há um rosto nesta foto, consegues vê-lo?


Consegues ver a diferença entre um cavalo e um sapo?
Olha bem...


Consegues ver o bebê?




Consegues ver 10 caras na árvore?


EXERCÍCIOS


O importante não é acertar, mas estimular nossos neurônios e distanciar-nos daquele alemão indesejável (Alzheimer). Façam bom proveito!

marimaura@hotmail.com



segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Atividades dia do soldado





O Dia do Soldado é instituído em homenagem a Luís Alves de Lima e Silva, patrono do Exército brasileiro, nascido em 25 de agosto de 1803 que entra na História como "o pacificador" e sufoca muitas rebeliões contra o Império.


"Luís Alves de Lima e Silva - o Duque de Caxias é o insigne Patrono do Exército Brasileiro, que o reverencia na data de seu nascimento - 25 de agosto - "Dia do Soldado" Caxias pacificou o Maranhão, São Paulo, Minas Gerais e o Rio Grande do Sul, províncias assoladas, no século passado, por graves rebeliões internas, pelo que recebeu o epíteto de "O Pacificador". Comandou Exércitos em três campanhas externas: na mais difícil delas, quando em Lomas Valentinas, no ano de 1868, tomado de justo orgulho, bradou aos seus soldados: "O Deus dos Exércitos está conosco.






































Mariamaura
http://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_do_Soldado



sábado, 20 de agosto de 2011

as folhas verdinhas dos ipês caem para dar lugar as belas flores que brotam


O mais alto dos ipês (atinge 35m) pode ser identificado pela folhas não muito grandes e sempre agrupadas em número de 5.

Ipê amarelo



Cores nas Alturas: floraçao do mais alto dos ipês

O Ipê-roxo (Tabebuia avellanedae) existe do Maranhão ao Rio Grande do Sul, por isso é o ipê mais comum na arborizaçao pública.

Ao redor de junho-julho perde todas suas folhas e, contrastando com seu tronco escuro, enche-se de pequenas flores roxas em forma de trombeta

Estas flores se agrupam em ornamentais "bolas", embora menores e menos impressionantes que as do Ipê-roxo-de-bola.




As sementes surgem em vagens que se abrem na primavera. Se plantadas, fazem nascer em apenas 10 dias uma nova e promissora árvore!



Ipê rosa a beleza natural , abençoada pelas mãos de DEUS





Alameda de ipê branco, de tão lindo da vontade de chorar. Emocionante.



IPÊ ROSA
Quem passa com um olhar mais atento pela cidade e arredores, nesta época do ano, pode perceber que a arborização ganha um colorido especial proporcionado pela floração do ipê, com destaque para o ipê rosa (Tabebuia impetiginosa), que florece com maior intensidade entre os meses de junho e julho


A beleza dos ipês


Esse está no centro da cidade, no centro de uma rotatória, enfeitando a bela Patos de Minas

Ipês florescem na seca e mudam a paisagem deixando a cidade ainda mais bonita
Roxos, rosas, brancos e amarelos. É na época da seca, quando todas as plantas reclamam a falta da água, que surgem os Ipês.


Na rotatória existente no entroncamento das avenidas Paracatu e Padre Almir, um enorme pé de Ipê se tornou atração.

Roxos, rosas, brancos e amarelos. É na época da seca, quando todas as plantas reclamam a falta da água, que surgem os Ipês. A florada da árvore símbolo do cerrado, muda a paisagem no campo e nas cidades. Em Patos de Minas, os Ipês estão por toda parte e alguns se tornaram parada obrigatória.
O ipê amarelo proporciona um espetáculo com a sua bela floração. No campo, as árvores com suas copas cobertas de flores se destacam em meio a paisagem seca. Nas cidades, esta espécie de árvore contribui de uma forma toda especial com a arborização de praças e ruas. Em Patos de Minas algumas árvores chamam a atenção.

Na rotatória existente no entroncamento das avenidas Paracatu e Padre Almir, um enorme pé de Ipê se tornou atração para quem passa pelo local. A árvore não passa um dia sem ser fotografada.



O ipê amarelo é a árvore brasileira mais conhecida, a mais cultivada e uma das mais belas. Não há região do país onde não exista pelo menos uma espécie dele, porém a existência do ipê em habitat natural nos dias atuais é cada vez mais rara. Por isso, o ipê amarelo passou a ser protegido por lei. O corte desta árvore, sem autorização do órgão competente, é considerado crime ambiental.

Autor: Maurício Rocha

http://www.patoshoje.com.br/noticias/patos-de-minas/13533-ipes-florescem-na-seca-e-mudam-a-paisagem-deixando-a-cidade-ainda-mais-bonita.htm

Adaptação/Mariamaura