OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




sábado, 30 de abril de 2011

Os Tatuzinhos Garcia

Leia a história ilustrando-a:

O Tatuzinho

Renatinho já sabia contar.
Contava tudo, mas o que ele
mais gostava de contar,
era tatuzinhos no jardim.








Ele sabia que os tatuzinhos
Sempre ficam debaixo das pedras
Ou em outro lugar fresco do jardim



Renatinho esperava
os tatuzinhos aparecerem.
Encostava o dedo neles e,
pronto! Eles se enrolavam
formando bolinhas.





___Um tatuzinho, dois tatuzinhos,
três tatuzinhos ...
agora ele sabia por que o tatuzinho
também é chamado de bicho de conta.

Autora: Monica de Souza



Meus alunos amaram a história dos tatuzinhos , , primeiro eu contei a história , depois entreguei uma folha ja com a história e os espaços para ilustração, os alunos fizeram uma história em quadrinhos linda, lendo e ilustrando .


Mariamaura


Sl 49- O engano das riquezas.


Sl 49- O engano das riquezas.

8- Ninguém é capaz de salvar o irmão nem de pagar a Deus o resgate, pois, qualquer que seja o preço pago por uma vida, nunca será suficiente para que possa viver para sempre e não tenha de ver o fosso.

13- O homem apegado à riqueza não perdura, é semelhante aos animais de abate.
14- O destino dos que nela se fiam e se gabam de seu futuro é este:

15- São arrebanhados para o abismo, para onde a morte os tange. Eles descem logo pelo caminho mais curto, e suas figuras desaparecem no abismo, sem terem morada.

17- Não te exasperes, se um homem, enriquecendo, aumenta a opulência de sua casa: ao morrer, nada levará consigo, e sua opulência não baixará com ele.

Comentário:
O que Deus condena, não são a riqueza ou a sorte, mas a arrogância, o egoísmo, a soberba e a prepotência que impera no coração e na mente de muitos que tendo não dividem com quem não tem e ainda repudiam, julgando-os sem conhecer as causas de suas impossibilidades.

O que seria do mundo se todos fossem patrões? Ou se fossem empregados?

Tudo existe, mas um tem que respeitar o outro e não explorar o outro e ainda ser caridoso pela graça que recebeu e pela possibilidade que tem em poder ajudar aqueles que precisam.

Quanto mais se dá a quem não tem, mais Deus lhe dará e isso não tem fim.

Desejo-lhe um final de semana regado de bênçãos e luz de Deus!

Ótimo FDSemana a todos .

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Eu sou assim!





Eu sou assim!!!
Gosto do impossível,


tenho medo do provável,

dou risada do ridículo e choro porque

tenho vontade,

mas nem sempre tenho motivo.

Tenho um sorriso confiante

que as vezesnão demonstra

o tanto de insegurança por trás dele.

Sou inconstante e talvez imprevisível.

Nã gosto de rotina.

Eu amo de verdade aqueles pra

quem eu digo isso,

e me irrito de forma inexplicável

quando não botam fé nas minhas palavras.

Nem sempre coloco em prática aquilo

que eu julgo certo.

São poucas as pessoas

para quem eu me explico!!!

Essa sou EU!!!

Não pede nada nas tuas preces, porque tu não sabes o que te é útil, e só Deus conhece as tuas necessidades.
Pitágoras!

******************marimaura***************

sábado, 23 de abril de 2011

Significado de Ratimbum


RATIMBUM é uma palavra usada pelos magos persas desde a Idade Média.
Por muito tempo cantamos inocentemente um "Parabéns" para alguém que está aniversariando e, até ai, tudo bem, tudo certo. É um aniversário.
O que muitos não percebem é que depois da música vem sempre o tal deRa-tim-bum! (este é o significado: eu amaldiçôo você).
Existiu até certo tempo um programa infantil chamado de Castelo Ratimbum, que tem o significado de "Castelo da Maldição".
Precisamos vigiar mais, pois a Bíblia diz que o povo de Deus perece por falta de conhecimento.
Como podemos cantar felicitando uma pessoa e depois amaldiçoá-la?

Tomemos muito cuidado

Observe que detalhe sutil: depois de dizer a palavra Ratimbum, pronuncia-se o nome do aniversariante várias vezes. Vamos ficar muito atentos para isto.
Se não vejamos: quantas vezes você já cantou para as pessoas: " É BIG É BIG (é grande, é grande), É HORA É HORA (neste momento, nesta ocasião):
RA-TIM-BUM (EU AMALDIÇOOU VOCÊ), Fulano, Fulano, Fulano".

A BÍBLIA DIZ QUE!

a) Deus criou tudo pelo poder de sua Palavra.

b) A vida e a morte está no poder da língua, aquele que bem a utiliza, comerá do seu fruto.
Bêncão: Deus perdoa o tempo da ignorância, mas uma vez que nos tornamos conhecedores, então precisamos agir de acordo com a revelação que nos alcançou.

Proferir palavras sem saber o significado, a origem e quem está por detrás delas é perigoso , pense bem , e saiba o que fala , por isso posto aqui para que muitas pessoas possam ler e não mais repetir o mesmo erro
. Não mais façam uso apenas por força de expressão, pois é assim que se pratica abominações por meio de palavras sobre nós e também sobre as pessoas de nossos relacionamentos.

ISSO É MUITO SÉRIO!

Não se cale, mas entre na luta para calar de uma vez esta e outras expressões malditas.

O Senhor Jesus ordenou para que vigiemos e rezemos, para não cairmos em tentação!

Autor desconhecido
Recebi e mail de uma amiga

*******************marimaura*****************

Tia Amparo


A Tia Amparo era uma mulher de 93 anos que estava particularmente afetada pela morte recente do seu marido.
Ela decidiu suicidar-se e juntar-se a ele no além.
Pensando que o melhor para ela seria acabar rápido com o assunto, foi buscar a velha pistola do exército que pertencera ao seu marido e tomou a decisão de disparar um tiro no coração, já que estava destroçada pela dor da sua perda.
Não querendo falhar o tiro num órgão vital e tornar-se um vegetal e um fardo para os seus familiares, telefonou ao seu médico de família para lhe perguntar onde ficava exatamente o seu coração.
O médico respondeu-lhe:
- "Dona Amparo, que pergunta?!...
O seu coração está exatamente debaixo do seu seio esquerdo"
e foi assim que a querida tia Amparo... foiiiiiii.... o joelho!!!
Coitada!!!!

Somente para descontrair um pouco do cansaço
Abraços

********************marimaura*****************

Pedrinha


Quando Cristo foi apedrejado
















História em quadrinhos


****************marimaura***************

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Comemoração Dia do Indio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

O Dia do índio, 19 de abril, foi criado pelo presidente Getúlio Vargas através do decreto-lei 5540 de 1943, e relembra o dia, em 1940, no qual várias lideranças indígenas do continente resolveram participar do Primeiro Congresso Indigenista Interamericano, realizado no México. Eles haviam boicotado os dias iniciais do evento, temendo que suas reivindicações não fossem ouvidas pelos "homens brancos". Durante este congresso foi criado o Instituto Indigenista Interamericano, também sediado no México, que tem como função zelar pelos direitos dos indígenas na América. O Brasil não aderiu imediatamente ao instituto, mas após a intervenção do Marechal Rondon apresentou sua adesão e instituiu o Dia do Índio no dia 19 de abril.


Primeiros habitantes da nossa terra.

Conscientização que os índios são pessoas como nós e merecem o nosso respeito.



Cordel Encantado.


Atividades feitas pelos alunos do Quinto Ano da Escola Estadual Adelaide Maciel, em homenagem ao dia do índio.




Parabéns aos meus queridos alunos!!!

*****************marimaura**************


Feliz Páscoa!!!!






Páscoa é amor!
Páscoa é Luz!
Páscoa é o amor que Deus
Tem por nós…
Deu seu filho..acreditou…
Confiou..que seriamos capazes
De entender o AMOR que ele tem!
Que o Amor seja uma constante em
Sua vida!
Que o amor de Cristo Jesus ressurja
Em sua vida com toda força!
Muita paz e luz a você nesta páscoa!


Para voce toda felicidade.

Que nesta páscoa chegue ao seu coração.
uma alegria imensa
que JESUS
possa te abençoar
cada vez mais.


*******************mariamaura****************

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Dia do Livro Infantil

O projeto da apresentação de atividades e despertar o aluno para a leitura, é da bibliotecária da Escola Estadual Adelaide Maciel , Vania Sousa.


Aluno Andreus Emanuel saldanha de Deus, aluno do quinto ano, abriu as apresentações do dia do livro infantil ,na Escola Estadual Adelaide Maciel.


Este é o livro que contém a biografia de Monteiro Lobato e suas obras.



Momento da abertura do Livro






O livro aberto, esse livro foi obra de:



Andreus Emanuel Saldanha de Deus e seus colegas:


Felipe Rodrigues Alves


Matheus Henrique Alves Pereira




Frases de Monteiro Lobato





Momento em que o aluno Andreus explica sobre o trabalho da equipe e fala sobre as obras de Monteiro Lobato.






Visconde de Sabugosa , um dos mais famosos personagens criados por Monteiro Lobato, na pintura de Andreus, com a colaboração dos colegas Felipe e Matheus, os meninos se empolgaram e deram vida ao livro, aos trabalhos e aos personagens das obras de Monteiro Lobato.








Mensagem , dia do Livro Infantil




Os alunos , durante o momento das apresentações





Desenho dos personagens feitos pelo aluno Andreus. Quero parabeniza-los por tão brilhante trabalho, esses alunos são nota 10.

Narizinho











Narizinho




Dona Benta



Tia Nastácia





Saci Pererê




Cuca



Emília




Visconde de Sabugosa













Momento de Leitura dos alunos









O grande mestre não ensina
Amplia os horizontes dos seus alunos
Num aprendizado constante

Nildo Lage




A turma ouve atentamente a apresentação dos colegas.



O mestre disse a um dos seus alunos: tu, queres saber em que consiste o conhecimento? Consiste em ter consciência tanto de conhecer uma coisa quanto de não a conhecer. Este é o conhecimento.

Confúcio


Obrigada a bibliotecária Vania , pela abertura do espaço, obrigada a turma pela atenção e participação e muito grata, mas muuuuuitooooo mesmo aos meus amados alunos por tão belo trabalho.


Parabéns Andreus, e sua equipe.

Um abraçoe beijinhos com muito carinho

Professora Maura



segunda-feira, 18 de abril de 2011

Semana Santa




Semana Santa A Semana Santa é uma tradição religiosa do Cristianismo que celebra a Paixão, a Morte e a Ressurreição de Jesus Cristo. A Semana Santa se inicia na quarta feira de Jesus Cristo em Jerusalém, que ocorre do domingo de ramos, e tem seu término com a ressurreição de Jesus Cristo, que ocorre no domingo de Páscoa.



Domingo de Ramos



O Domingo de Ramos abre solenemente a Semana Santa, com a da entrada de Jesus em Jerusalém. Jesus é recebido em Jerusalém como um rei, mas os mesmos que o receberam com festa o condenaram à morte. Jesus é recebido com ramos de palmeiras.






O Domingo de Ramos é a festa litúrgica que celebra a entrada de Jesus Cristo na cidade de Jerusalém. É também a abertura da Semana Santa. Nesse dia, são comuns procissões em que os fiéis levam consigo ramos de oliveira ou palmeira, o que originou o nome da celebração. Segundo os Evangelhos, Jesus foi para Jerusalém para celebrar a Páscoa Judaica com os(discípulos). Entrou na cidade como um Rei, mas sentado num jumentinho - o simbolo da humildade - e foi aclamado pela população como o Messias, o Rei de Israel. A multidão o aclamava: "Hosana ao Filho de Davi!" Isto aconteceu alguns dias antes da sua Paixão, Morte e Ressurreição. A Páscoa Cristã celebra então a Ressurreição de Jesus Cristo. História A procissão do Domingo de Ramos surgiu depois que um grupo de cristãos da Etéria fez uma peregrinação a Jerusalém e, ao retornar, procedeu na sua região da mesma forma que havia feito nos lugares santos, lembrando os momentos da Semana Santa. O costume passou a ser utilizado gradualmente por outras igrejas e, ao final da Idade Média, foi incorporado aos ritos da Semana Santa.... O Rito A celebração do Domingo de Ramos começa em uma capela ou igreja afastada de onde será rezada a Missa. Os ramos que os fiéis levam consigo são abençoados pelo sacerdote. Então, este proclama o Evangelho da entrada de Jesus em Jerusalém, e inicia-se a procissão com algumas orações próprias da festa, rumo à igreja principal ou matriz. Em algumas cidades históricas como: Ouro Preto, Pirenópolis, Resende Costa e São João Del Rei, esta procissão é acompanhada de Banda de Música. Durante a procissão, os fiéis entoam a antífona: "Hosana ao Filho de Davi! Hosana ao Filho de Davi! Bendito o que vem em nome do Senhor! Rei de Israel, Hosana nas alturas!" Ao chegar onde será celebrada a missa solene, a festa muda de caráter, passando a celebrar a Paixão de Cristo. É narrado o Evangelho da Paixão, e segue a Liturgia Eucarística como de costume. O sentido da festa do Domingo de Ramos tratar tanto da entrada triunfal de Cristo em Jerusalém, e depois recordar sua Paixão, é que essas duas datas estão intrinsicamente unidas. A Igreja recorda que o mesmo Cristo que foi aclamado como Rei pela multidão no Domingo, é cruficidado sob o pedido da mesma multidão na Sexta. Assim, o Domingo de Ramos é um resumo dos acontecimentos da Semana Santa, e também sua solene abertura Segunda-Feira Santa é o segundo dia Onde o Nosso Jesus começa sua caminhada rumo ao calvário.. Terça-Feira Santa É o terceiro dia da Semana Santa.Onde é celebrada, as sete dores de Nossa Senhora a Santa e Imaculada Virgem Maria. Quarta-Feira Santa É o quarto dia da Semana Santa. Encerra-se na Quarta-feira Santa o período quaresmal. Em algumas igrejas celebra-se neste dia a piedosa procissão do encontro de Nosso Senhor dos Passos e Nossa Senhora das Dores. Ainda há igrejas que neste dia celebra o Ofício das Trevas, lembrando que o mundo já está em trevas devido à proximidade da Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo. Quinta-Feira da Ceia É o quinto dia da Semana Santa. Neste dia é relembrada especialmente a Última Ceia. É também celebrada a Missa de Lava-pés, onde se relembra o gesto de humildade que Jesus realizou lavando os pés dos seus doze discípulos e comendo com eles a ceia derradeira. É neste momento que Judas Iscariotes sai correndo e vai entregar Jesus por trinta moedas de prata. É nesta noite em que Jesus é preso, interrogado e no amanhecer da Sexta-feira, açoitado e condenado. A igreja fica em vigília ao Santíssimo, relembrando os sofrimentos começados por Jesus nesta noite. A igreja já se reveste de luto e tristeza desnudando os altares, quando é retirado todos os enfeites, toalhas, flores, velas, tudo para simbolizar que Jesus já está preso e consciente do que vai acontecer. Neste dia cobre-se todas as imagens existentes no templo pois a igreja se inluta pela vespera da morte Sexta-Feira Santa ou Sexta-Feira da Paixão É quando a Igreja recorda a Morte do Salvador. É celebrada a Solene Ação Litúrgica, Paixão e Adoração da Cruz. A celebração da morte do Senhor consiste, resumidamente, na adoração de Cristo crucificado, precedida por uma liturgia da Palavra e seguida pela comunhão eucarística dos participantes. Presidida por um padre, presbítero ou bispo, paramentado como para a missa, de cor vermelho. Sábado Santo Também era chamado de Sábado de Aleluia, é o dia antes da Páscoa no calendário de feriados religiosos do Cristianismo. Domingo de Páscoa É o dia da ressurreição de Jesus, e as comemorações mais importantes do cristianismo, que celebra a vida, o amor e a misericórdia de Deus.



Fonte de pesquisa Wikipédia ......



****************marimaura****************

A mente humana

A MENTE APAGA REGISTROS DUPLICADOS Por Airton Luiz Mendonça (Artigo do jornal O Estado de São Paulo) O cérebro humano mede o tempo por meio da observação dos movimentos. Se alguém colocar você dentro de uma sala branca vazia, sem nenhuma mobília, sem portas ou janelas, sem relógio..... você começará a perder a noção do tempo. Por alguns dias, sua mente detectará a passagem do tempo sentindo as reações internas do seu corpo, incluindo os batimentos cardíacos, ciclos de sono, fome, sede e pressão sanguínea. Isso acontece porque nossa noção de passagem do tempo deriva do movimento dos objetos, pessoas, sinais naturais e da repetição de eventos cíclicos, como o nascer e o pôr do sol. Compreendido este ponto, há outra coisa que você tem que considerar: Nosso cérebro é extremamente otimizado. Ele evita fazer duas vezes o mesmo trabalho. Um adulto médio tem entre 40 e 60 mil pensamentos por dia. Qualquer um de nós ficaria louco se o cérebro tivesse que processar conscientemente tal quantidade. Por isso, a maior parte destes pensamentos é automatizada e não aparece no índice de eventos do dia e portanto, quando você vive uma experiência pela primeira vez, ele dedica muitos recursos para compreender o que está acontecendo. É quando você se sente mais vivo. Conforme a mesma experiência vai se repetindo, ele vai simplesmente colocando suas reações no modo automático e 'apagando' as experiências duplicadas. Se você entendeu estes dois pontos, já vai compreender porque parece que o tempo acelera, quando ficamos mais velhos e porque os Natais chegam cada vez mais rapidamente. Quando começamos a dirigir automóveis, tudo parece muito complicado, nossa atenção parece ser requisitada ao máximo. Então, um dia dirigimos trocando de marcha, olhando os semáforos, lendo os sinais ou até falando ao celular ao mesmo tempo. Como acontece? Simples: o cérebro já sabe o que está escrito nas placas (você não lê com os olhos, mas com a imagem anterior, na mente); O cérebro já sabe qual marcha trocar (ele simplesmente pega suas experiências passadas e usa , no lugar de repetir realmente a experiência). Ou seja, você não vivenciou aquela experiência, pelo menos para a mente. Aqueles críticos segundos de troca de marcha, leitura de placa são apagados de sua noção de passagem do tempo. Quando você começa a repetir algo exatamente igual, a mente apaga a experiência repetida. Conforme envelhecemos as coisas começam a se repetir - as mesmas ruas, pessoas, problemas, desafios, programas de televisão, reclamações, -.... enfim... as experiências novas (aquelas que fazem a mente parar e pensar de verdade, fazendo com que seu dia pareça ter sido longo e cheio de novidades), vão diminuindo. Até que tanta coisa se repete que fica difícil dizer o que tivemos de novidade na semana, no ano ou, para algumas pessoas, na década. Em outras palavras, o que faz o tempo parecer que acelera é a.... ROTINA A rotina é essencial para a vida e otimiza muita coisa, mas a maioria das pessoas ama tanto a rotina que, ao longo da vida, seu diário acaba sendo um livro de um só capítulo, repetido todos os anos. Felizmente há um antídoto para a aceleração do tempo: M & M (Mude e Marque). Mude, fazendo algo diferente e marque, fazendo um ritual, uma festa ou registros com fotos. Mude de paisagem, tire férias com a família (sugiro que você tire férias sempre e, preferencialmente, para um lugar quente, um ano, e frio no seguinte) e marque com fotos, cartões postais e cartas.. Tenha filhos (eles destroem a rotina) e sempre faça festas de aniversário para eles, e para você (marcando o evento e diferenciando o dia). Use e abuse dos rituais para tornar momentos especiais diferentes de momentos usuais. Faça festas de noivado, casamento, 15 anos, bodas disso ou daquilo, bota-foras, participe do aniversário de formatura de sua turma, visite parentes distantes, entre na universidade com 60 anos, troque a cor do cabelo, deixe a barba, tire a barba, compre enfeites diferentes no Natal, vá a shows, cozinhe uma receita nova, tirada de um livro novo. Escolha roupas diferentes, não pinte a casa da mesma cor, faça diferente. Beije diferente sua paixão e viva com ela momentos diferentes. Vá a mercados diferentes, leia livros diferentes, busque experiências diferentes. Seja diferente. Se você tiver dinheiro, especialmente se já estiver aposentado, vá com seu marido, esposa ou amigos para outras cidades ou países, veja outras culturas, visite museus estranhos, deguste pratos esquisitos.. . . em outras palavras... V-I-V-A. !!! Porque se você viver intensamente as diferenças, o tempo vai parecer mais longo. E se tiver a sorte de estar casado(a) com alguém disposto(a) a viver e buscar coisas diferentes, seu livro será muito mais longo, muito mais interessante e muito mais v-i-v-o... do que a maioria dos livros da vida que existem por aí. Cerque-se de amigos. Amigos com gostos diferentes, vindos de lugares diferentes, com religiões diferentes e que gostam de comidas diferentes. Enfim, acho que você já entendeu o recado, não é? Boa sorte em suas experiências para expandir seu tempo, com qualidade, emoção, rituais e vida. E S CR EVA em tAmaNhos diFeRenTes e em CorES di fE rEn tEs ! CRIE, RECORTE, PINTE, RASGUE, MOLHE, DOBRE, PICOTE, INVENTE, REINVENTE... V I V A !!! Recebi email do amigo Elder **************marimaura***************

Perfume das Flores

JOÃO PAULO: Se cada filho de Deus ao morrer se transformar em uma flor, Jesus está rodeado por muitas flores, Se cada uma dessas flores exalarem um bom perfume, Jesus está absolutamente perfumando, Se todo o perfume Jesus não suportar respirar, Certamente devolverá para a terra Em forma de amor para os seus filhos O dia que estes morrerem Transformar-se-ão também em flores Aumentará ainda mais o perfume ao redor de Jesus Que enviará ainda mais perfume Para os seus filhos na terra Que jamais se sentirão com mau odor Por falta de amor. Amem Jesus! Este é meu pensamento de hoje, para você. 17 04 2011 Recebi no orkut do meu amigo João Paulo e meu desejo é dividir com todos que por aqui passarem. Beijos no coração marimaura@hotmail.com

sábado, 16 de abril de 2011

Feliz Páscoa

Feliz Páscoa em vários idiomas.... O significado da Páscoa... A Páscoa é uma festa cristã que celebra a ressurreição de Jesus Cristo. Depois de morrer na cruz, seu corpo foi colocado em um sepulcro, onde ali permaneceu, até sua ressurreição, quando seu espírito e seu corpo foram reunificados. É o dia santo mais importante da religião cristã, quando as pessoas vão às igrejas e participam de cerimônias religiosas. Muitos costumes ligados ao período pascal originam-se dos festivais pagãos da primavera. Outros vêm da celebração do Pessach, ou Passover, a Páscoa judaica. É uma das mais importantes festas do calendário judaico, que é celebrada por 8 dias e comemora o êxodo dos israelitas do Egito durante o reinado do faraó Ramsés II, da escravidão para a liberdade. Um ritual de passagem, assim como a "passagem" de Cristo, da morte para a vida. No português, como em muitas outras línguas, a palavra Páscoa origina-se do hebraico Pessach. Os espanhóis chamam a festa de Pascua, os italianos de Pasqua e os franceses de Pâques. A festa tradicional associa a imagem do coelho, um símbolo de fertilidade, e ovos pintados com cores brilhantes, representando a luz solar, dados como presentes. A origem do símbolo do coelho vem do fato de que os coelhos são notáveis por sua capacidade de reprodução. Como a Páscoa é ressurreição, é renascimento, nada melhor do que coelhos, para simbolizar a fertilidade!




Vamos ver agora como surgiu o chocolate... Quem sabe o que é "Theobroma"? Pois este é o nome dado pelos gregos ao "alimento dos deuses", o chocolate. "Theobroma cacao" é o nome científico dessa gostosura chamada chocolate. Quem o batizou assim foi o botânico sueco Linneu, em 1753. Mas foi com os Maias e os Astecas que essa história toda começou. O chocolate era considerado sagrado por essas duas civilizações, tal qual o ouro. Na Europa chegou por volta do século XVI, tornando rapidamente popular aquela mistura de sementes de cacau torradas e trituradas, depois juntada com água, mel e farinha. Vale lembrar que o chocolate foi consumido, em grande parte de sua história, apenas como uma bebida. Em meados do século XVI, acreditava-se que, além de possuir poderes afrodisíacos, o chocolate dava poder e vigor aos que o bebiam. Por isso, era reservado apenas aos governantes e soldados. Aliás, além de afrodisíaco, o chocolate já foi considerado um pecado, remédio, ora sagrado, ora alimento profano. Os astecas chegaram a usá-lo como moeda, tal o valor que o alimento possuía. Chega o século XX, e os bombons e os ovos de Páscoa são criados, como mais uma forma de estabelecer de vez o consumo do chocolate no mundo inteiro. É tradicionalmente um presente recheado de significados. E não é só gostoso, como altamente nutritivo, um rico complemento e repositor de energia. Não é aconselhável, porém, consumí-lo isoladamente. Mas é um rico complemento e repositor de energia. E o coelho? A tradição do coelho da Páscoa foi trazida à América por imigrantes alemães em meados de 1700. O coelhinho visitava as crianças, escondendo os ovos coloridos que elas teriam de encontrar na manhã de Páscoa. Uma outra lenda conta que uma mulher pobre coloriu alguns ovos e os escondeu em um ninho para dá-los a seus filhos como presente de Páscoa. Quando as crianças descobriram o ninho, um grande coelho passou correndo. Espalhou-se então a história de que o coelho é que trouxe os ovos. A mais pura verdade, alguém duvida? No antigo Egito, o coelho simbolizava o nascimento e a nova vida. Alguns povos da Antigüidade o consideravam o símbolo da Lua. É possível que ele se tenha tornado símbolo pascal devido ao fato de a Lua determinar a data da Páscoa. Mas o certo mesmo é que a origem da imagem do coelho na Páscoa está na fertililidade que os coelhos possuem. Geram grandes ninhadas! Mas por que a Páscoa nunca cai no mesmo dia todo ano? O dia da Páscoa é o primeiro domingo depois da Lua Cheia que ocorre no dia ou depois de 21 março (a data do equinócio). Entretanto, a data da Lua Cheia não é a real, mas a definida nas Tabelas Eclesiásticas. (A igreja, para obter consistência na data da Páscoa decidiu, no Conselho de Nicea em 325 d.C, definir a Páscoa relacionada a uma Lua imaginária - conhecida como a "lua eclesiástica"). A Quarta-Feira de Cinzas ocorre 46 dias antes da Páscoa, e portanto a Terça-Feira de Carnaval ocorre 47 dias antes da Páscoa. Esse é o período da quaresma, que começa na quarta-feira de cinzas. Com esta definição, a data da Páscoa pode ser determinada sem grande conhecimento astronômico. Mas a seqüência de datas varia de ano para ano, sendo no mínimo em 22 de março e no máximo em 24 de abril, transformando a Páscoa numa festa "móvel". ****************marimaura*****************