OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




sábado, 31 de janeiro de 2009

Volta as aulas: Professor, sua responsabilidade é grande!!


PARA VOCÊ ME EDUCAR.

Para você me educar você precisa me conhecer, precisa saber da minha vida, meu modo de viver e sobreviver. Conhecer a fundoas coisas com as quais eu creio e às quais eu me agarro nos momentos de solidão, desespero, sofrimento.

Precisa saber entender as verdades, pessoas e fatos aos quais eu atribuo, forças superiores às minhas e aos quais me entrego quando preciso ir além de mim mesmo.

Para você me educar precisa me encontrar lá onde eu existo, quer dizer, no coração das coisas, nos mitos e nas lendas, nas cores e nos movimentos, nas formas originais e fantásticas. Na terra, nas estrelas, nas forças dos astros, do sol e da chuva.

Para você me educar você precisa estar comigo onde estou, mesmo que você venha de longe e que esteja muito adiante.

Só há um adiante para mim , aquele que eu construo e conquisto.

Só há uma forma de construí-lo: a partir de mim mesmo e do meio em que vivo.

Para você me educar, precisa compreender a cultura do contexto em que se deu meu crescimento.

Pois suas linhas de força são as minhas energias.


Suas crenças e expectativas são as que passam a construir o meu credo e as minhas esperanças.


Mas eu também estou aberta para outras culturas.

Plenitude cultural não significa prisão ao espaço que ocupo, mas abertura ao que é autenticamente nosso e ao que,vindo de fora nos pode fazer mais por nós mesmos.

A cultura universal é produto de todos os homens.

Mas como posso contribuir com essa fraternidade se não constitui o meu eu, se não tenho minha expressão cultural própria?

A educação que eu necessito é aquela que me faz mais eu, que desperta, do mistério do meu ser, as potencialidades adormecidas.
É uma educação que promove minha identidade pessoal.

Eu me educo fazendo cultura, e nesse ato de geração cultural, eu construo minha educação, conquisto o meu ser, na relação dialógica.

Homem/Natureza








Nenhum comentário: