OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




terça-feira, 5 de outubro de 2010

Dia das aves



Características
Têm o corpo cobertos de penas
A função das penas é proteger o corpo da ave contra perdas de água e de calor e auxiliar o vôo. As penas são formadas de: Cálamo - é a ponta oca que fica enterrada na pele da ave; Raque - é a parte central, o "eixo" da pena; Barbas - são os "raminhos" das penas, que estão presos à raque; Bárbulas - são as pequeninas ramificações das barbas.

Possuem bico
O tamanho e o formato do bico variam de uma ave para outra. No papagaio, a parte de cima do bico é maior que a de baixo; no azulão, as duas partes são do mesmo tamanho; etc.

Têm dois pares de membros
Com os membros anteriores (as asas), as aves podem voar. Os membros posteriores (as pernas) permitem-lhes andar, correr, trepar em árvores ou nadar.

As aves são animais homeotérmicos, isto é, a temperatura do corpo praticamente não varia com as mudanças de temperatura do meio ambiente. Quando um pato entra na água fria, por exemplo, a temperatura de seu corpo permanece praticamente constante.

Você sabia que alguns ossos das aves são cheiros de ar? Esses ossos, ocos, chamam-se ossos pneumáticos. Por serem muito leves, facilitam o vôo.

Em algumas aves o ossos esterno é pontudo, em forma de quilha, prendendo os poderosos músculos peitorais, que determinam as batidas das asas. Graças a essa forma, o esterno favorece o "corte" do ar, facilitando o vôo. Nas aves que não voam, como os avestruzes, o esterno é achatado.

As aves respiram por pulmões. Além dos pulmões, o sistema respiratório das aves compõe-se de órgãos especiais (siringe e sacos aéreos), que não são encontrados nos outros vertebrados. A siringe é a porção inferior da traquéia, adaptada ao canto. Os sacos aéreos são bolsas que funcionam como reservatório de ar. Através deles o ar dos pulmões é conduzido aos ossos pneumáticos. Quando as aves estão em pleno vôo, os sacos aéreos também fornecem ar para sua respiração. Além disso, facilitam o canto e diminuem o peso específico do animal, contribuindo para o vôo.

Estrutura de um ovo
Veja a seguir as partes de um ovo:

Casca: parte externa que protege o ovo. A casca é resistente, porosa (permite entrada e saída de ar) e rica em sais de cálcio.

Membrana da casca: membrana existente entre a casca e a clara.

Clara: parte incolor, que fica branca quando o ovo é cozido ou frito. A clara é uma fonte de proteínas e de água para o embrião.

Calaza: membrana encontrada na clara que liga a gema aos pólos do ovo.

Disco germinativo: estrutura que dará origem ao embrião, se houver fecundação.

Gema: parte amarela, que contém o vitelo, um material rico em substâncias nutritivas diversas (proteínas, gorduras, etc.) que alimentam o embrião.

Câmara de ar: câmara situada entre a casca e a membrana da casca, na extremidade mais larga do ovo, que contém reserva de ar para o embrião respirar.

Classificação das aves
As aves são classificadas em oito grupos principais:

Columbiformes: pombo, juriti, rolinha, etc;
Galiformes: pavão, galo, peru, codorna, etc;
Ciconiformes: garça, siriema, socó, cegonha, etc;
Reiformes: ema, etc;
Anseriformes: pato, cisne, marreco, etc;
Passeriformes: canário, azulão, curió, pardal, sabiá, etc;
Falconiformes: gavião, urubu, águia, etc;
Psitaciformes: papagaio, periquito, arara, etc.

Fonte: leandrobrito.br.tripod.com



















***************marimaura***************

Nenhum comentário: