OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




segunda-feira, 25 de julho de 2011

Dia do escritor

25de julho, dia do escritor


Do Latim: 'literratura', é a arte de compor escritos artísticos; o exercício da eloqüência e da poesia; conjunto de produções literárias de um país ou de uma época; carreira das letras.

Mais produtivo do que tentar definir Literatura seja, talvez, encontrar um caminho para decidir o que torna um texto, em sentido lato, literário. A definição de literatura está comumente associada à idéia de estética, ou melhor, da ocorrência de algum procedimento estético. Um texto será literário, portanto, quando conseguir produzir um efeito estético, ou seja, quando proporcionar uma sensação de prazer e emoção no receptor.

Um escritor não precisa cumprir uma função específica que escape à sua intrínseca função de escrever o que bem entenda, embora aconteça com muitos de nós precisarmos escrever "em função" da estrita sobrevivência.Pensando bem, o grande presente para o escritor continuará sendo o mesmo de todos os tempos: os seus leitores.




O escritor da asas a imaginação e transcreve para o papel tudo aquilo que ele imagina , com dedos deslizantes pelo teclado as palavras vão surgindo , assim meio desamarradas, de repente surgem frases belíssimas , as folhas vão enchendo dos pensamentos mais íntimos do escritor, dos mais nobres sentimentos , até o mais tolo devaneio.
Parabéns a todos os escritores , profissionais ou não .
O meu carinho , respeito e o meu abraço.

Maura

Nenhum comentário: