OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...


Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..


Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles:
Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS

Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......


UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.

O verde sempre foi a cor da esperança, queremos uma atitude construtiva e de inovação. Ansiamos por um futuro mais digno para nossas crianças que serão os profissionais do futuro.

Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.

Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.


A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade. Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Mariamaura



domingo, 30 de outubro de 2011

A incapacidade de ser verdadeiro - Texto para interpretação


A incapacidade de ser verdadeiro

Paulo tinha fama de mentiroso. Um dia chegou em casa dizendo que vira no campo dois dragões-da-independência cuspindo fogo e lendo fotonovelas.

A mãe botou-o de castigo, mas na semana seguinte ele veio contando que caíra no pátio da escola um pedaço de lua, todo cheio de queijo. Desta vez Paulo não só ficou sem sobremesa como foi proibido de jogar futebol durante quinze dias.

Quando o menino voltou falando que todas as borboletas da terra passaram pela chácara de Dona Elpídia e queriam formar um tapete voador para transportá-lo ao sétimo céu, a mãe decidiu levá-lo ao médico. Após o exame, o Dr. Epaminondas abanou a cabeça:

– Não há nada a fazer, dona Colo. Este menino é mesmo um caso de poesia.

Andrade, Carlos Drummond de. A incapacidade de ser verdadeiro.

1. Quando Paulo chegou em casa dizendo que vira no campo dois dragões-da-independência cuspindo fogo e lendo fotonovelas, a mãe:
(a) colocou-o de castigo.
(b) deixou-o sem sobremesa.
(c) levou-o ao médico.
(d) proibiu-o de jogar futebol.

2. A mãe de Paulo ficou preocupada com o filho porque ele:
(a) machucou-se no pátio da escola.
(b) contava histórias criativas.
(c) desistiu de jogar futebol.
(d) queixou-se do médico.

3. A preocupação da mãe que a fez levar o filho ao médico deveu-se à:
(a) fábula dos dragões-da-independência cuspindo fogo e lendo fotonovelas.
(b) história do pedaço de lua, cheio de queijo no pátio da escola.
(c) passagem das borboletas pela chácara de dona Elpídia formando um tapete voador.
(d) imaginação do menino ao criar suas histórias fantasiosas.

4. O parecer do médico “este menino é mesmo um caso de poesia”, sugere que Paulo:
(a) agia dessa forma pelo excesso de castigo.
(b) brincava com coisas verdadeiras.
(c) era um menino imaginativo e criativo.
(d) estava precisando do carinho familiar.

5. Dona Coló castigava o filho porque acreditava que ele estivesse:
(a) brincando.
(b) sonhando.
(c) mentindo.
(d) teimando.

6. O texto sugere que :
(a) mentira e teimosia andam juntos.
(b) mentira e fantasia são sinônimos.
(c) mentira e sonho parecem brincadeiras.
(d) mentira e imaginação são diferentes.


Fonte: Grupo Professores Solidários
************mariamaura**************

Nenhum comentário: