OLÁ....SEJAM BEM VINDOS!!!!!...

Queridos professores, alunos, amigos, visitantes e parceiros profissionais..

Este Blog é composto de vários tipos de textos, dentre eles: Textos Pessoais, científicos, religiosos e textos históricos.

MATÉRIAS COMENTADAS: Psicopedagogia, filosofia, teologia, sociologia, educação, cultura, lazer, diversão, pensamentos, reflexões, dicas de beleza, receitas.......e meus monólogos.......

UMA VISÃO CRÍTICA DA REALIDADE...

Este Blog espera ser um espaço de liberdade de expressão para todos os admiradores e que acompanham o desenvolvimento da educação no Brasil. Aqui discutiremos, constantemente como os povos e sociedades ao longo de toda a história da humanidade, lutam em busca de melhorias na educação, enfim, ambiente de conversas sobre usos dos novos meios de informação e comunicação em educação.
Espero ansiosa suas colaborações e acima de tudo sua criticidade objetiva.
Ressaltando que, alguns textos e imagens aqui postados não são de minha autoria, se são seus, ou se você conhece autoria, entre em contato que ficarei feliz em dar os devidos créditos.
A leitura e a reescrita das temáticas sugeridas neste blog, serão para todos nós instrumentos de avaliação, onde educador e educando se relacionarão, e aperfeiçoarão seus conhecimentos e experiências cognitivas.

Entre e fique a vontade.
Boa navegação e pesquisa.

Psicopedagoga : Maria Maura

Contato:
marimaura@hotmail.com
marimaura@gmail.com




sábado, 23 de junho de 2012

REFLEXÃO SOBRE EDUCAÇÃO E CULTURA



    A discussão do significado de educação e cultura.
Quando se pensa na relação entre cultura e educação que se estabelece dentro da escola, existe um aspecto essencial  que requer reflexão.  A importância do  ponto de partida refere-se à relação da escola com a cultura do lugar onde ela está situada. Se partirmos do principio de que o lugar é um espaço vivo, carregado de memórias e significações, a abertura à comunidade é fundamental e permite que alunos e suas famílias se enxerguem em seu território, nutram o sentimento de pertencimento, de enraizamento e se sintam reconhecidos no conhecimento que a escola produz e transmite a seus estudantes.
     No entanto, nos dias atuais, em que a globalização nos obriga a buscar, cada vez mais, um entendimento claro entre pessoas e instituições, um exame de pontos comuns ou divergências ontológicas entre essas duas idéias parece oportuno. Os termos :
    A reflexão sobre o exposto nos conduz a outras constatações como a amplitude ou a abrangência da educação na sociedade. De fato, a educação transcende, no seu âmbito, a parte abstrata da aquisição de conhecimentos ou informações, a da adoção de padrões de comportamento ou a dos preceitos morais. A educação se efetiva, também, na “praxis”, sendo responsável pela manutenção da saúde, pelo exercício da cidadania, própria de uma consciência social.Educação e cultura são de  possíveis relações conceituais, entre esses termos pode, a princípio, parecer um ocioso exercício de semântica onde  oscilam, no entendimento geral, entre a identificação e a radical diferenciação. Nos discursos, principalmente nos de caráter político, a educação é identificada com a escola ou a escolaridade e a cultura com a erudição ou o volume de informação.  Constata-se, então, que educação e cultura não são sinônimos, mas, dois fenômenos com estreita interdependência, coexistindo e interagindo na sociedade, podendo-se, até, afirmar que guardam entre si uma relação de mútua responsabilidade.
Responsabilidade, também, seria a do cidadão, enquanto “animal político”, como o definia
Aristóteles, zelando para que a interação se processe de forma dinâmica, conservando e renovando a cultura, sem “vazios axiológicos”.
Mariamaura

Nenhum comentário: